Conselho Tutelar de Araquari realiza mais de 30 atendimentos por dia

Por Secretaria de Governo e Comunicação
31/01/2017 10:55
Há 15 anos, Araquari sancionava a lei que regulamenta a Política dos Direitos da Criança e do Adolescente na cidade. Junto do Conselho Municipal e do Fundo foi criado também o Conselho Tutelar.  Com cinco conselheiros, eleitos pela comunidade, o órgão atua na garantia dos direitos das crianças e adolescentes. 
 
Araquari que tem cerca de 30 mil habitantes, segundo estimativa do IBGE, mais de oito mil são crianças e adolescentes. Garantir que o Estatuto que regulamenta e define os direitos a esse público seja respeitado é a função principal dos conselheiros. “A população precisa saber que nós do Conselho não temos a função de educar, essa função é dos pais, nosso dever é fazer com que eles tenham seus direitos assegurados”, comenta Luciana Maiochi.
 
Segundo os conselheiros, um dos problemas enfrentados pela equipe é justamente a falta de conhecimento da população quanto aos serviços que o Conselho pode efetuar. “Nós realizamos todos os dias mais de 30 atendimentos. Nós averiguamos as denúncias, atendemos, orientamos. Mas em muitos casos as denúncias não compete a nós resolver”, explica Odair Lemes. 
 
Entre os casos mais comuns de denúncias recebidas pelo grupo estão: conflito familiar, evasão escolar, uso de drogas e gravidez na adolescência. “Só neste mês nós tivemos duas situações bem graves. A primeira foi de um menino de oito anos que foi encontrado perambulando pela rodovia a noite. Ele foi deixado sozinho em casa e saiu. Nós o encontramos e ficamos com ele até o dia seguinte quando a mãe retornou para casa.” 
 
Outro caso de destaque neste início de ano foi a retirada de uma menina adolescente que estava vivendo em matrimônio. Em casos como este, em que crianças e adolescentes estão em situação de risco, o papel do Conselho é acompanhar e decidir qual a melhor medida de proteção para cada caso. “É nossa função também atender não só as crianças e adolescentes, mas também aos pais, por meio de aconselhamento por exemplo.” 
 
Conselheiros
 
De acordo com a lei que regulamenta o Conselho Tutelar, os conselheiros são eleitos pela comunidade. Eles precisam ter mais de 21 anos, residir em Araquari e possuir reconhecida idoneidade moral. Em Araquari, a última eleição foi em 2015. Os conselheiros eleitos para o mandato 2016/2019, são: Luciana Maiochi, Odair Lemes, Diamentino Luiz Morfim, Delizia de Lara e Roseli da Cunha Desen.       
 
Novo endereço
 
O Conselho Tutelar atende agora na Rua Francisco Hreisemnou, nº 155, no centro. O telefone para contato é 98462 5829. 
 
 
Contato Imprensa:
Maiara Carvalho 
Jornalista
Prefeitura de Araquari
(47) 3447 7700 | (47) 8462 5506
Download das fotos em alta resolução
Carregando